Ferro Velho - Zona Sul

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Martin - Narração

Mensagem  Martin Gutierrez Fletcher em Qui Nov 13, 2014 1:33 pm

Martin tinha se enganado. Ele não havia um feito um pacto com um espírito-demônio, mas sim com outra coisa mais… "material" por assim dizer. Aquele sujeito parecia um doido e toda aquela merda tinha a ver com sangue. Sim, o sangue era oferecido em diversos sacrifícios e na maior parte dos trabalhos de magia negra, mas… havia recebido um dom através do sangue de Ayla? Que dom? O de sentir vontade de beber sangue?

“Oh… meu pai…”

Começava a passar pela sua cabeça a possibilidade mais folclórica do que havia se tornado, quando um sujeito vindo do nada aparece ao lado do tal Andrew. Exatamente como Ayla fizera. Como aquilo era possível?

O sujeito parecia ter vindo direto das Arábias e olha para Martin com um ar duro, fazendo o falcão que tinha pousado em um ônibus, vir direto para o seu ombro. Ok… o show de Ayla com as serpentes tinha sido bem mais impressionante. Então ele e Andrew começam a falar entre si, o árabe falando em “propósito sagrado da Jyhad” meio que desdenhando de Martin e Andrew dizendo que Martin deveria ter alguma utilidade para ter recebido o “sangue sagrado”.

“Jyhad? Isso é coisa de terrorista muçulmano… E que porra é essa de sangue sagrado que eles tanto falam?!”

Martin começava a ficar intrigado, mas resolve ficar de boca fechada e continuar ouvindo aquela conversa. Uma coisa era verdade, ele era mesmo um “Sangue-Novo” e quando se é aprendiz em qualquer coisa, o mais sábio é observar para compreender. Esperava mesmo por Ayla e suas explicações.

avatar
Martin Gutierrez Fletcher

Mensagens : 47
Data de inscrição : 06/11/2014
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Martin

Mensagem  Admin em Dom Nov 16, 2014 11:21 am

- Venham, meus irmãos. Venham saudar a nova Criança da Noite, trazida a nós pelo sangue sagrado de Caim.

Disse Andrew, de uma maneira quase profética. De trás dos ônibus, saíram duas mulheres. Uma delas era loira, de aparência bem jovem. Belíssima, ou qualquer palavra grandiosa o bastante para expressão uma mulher que só era vista na televisão, pelos pobres mortais. A outra era menos impressionando. Essa asiática, de cabelos curtos, e bem franzina. As duas se aproximaram dos dois que já estavam ali. A asiática se manteve calada. A loira, mais carismática, estava mais sorridente, dizendo para Andrew.

- Ele tem cara de que vai se dar bem.

O homem apenas ri, cruzando então seus braços. A última pessoa que aparece é Ayla, caminhando daquela maneira hipnótica. Em suas mãos, um pequeno jarro de barro. Ela não fala nada com Martin. Apenas se aproxima de cada um dos outros. Cada um deles morde seu pulso, deixando sangue sair naquele jarro. A visão faz Martin quase enlouquecer pela fome. Era atraído por aquele sangue como moscas por um pedaço de carne!! No final, todos os 4 haviam colocado seus sangues naquele jarro, e Ayla foi a última, enchendo aquele jarro. Ela então o ergueu aos seus, sussurrando alo, e por fim, virou-se para Martin, estendendo aquele jarro que era simplesmente irresistível para Martin.

- Venha, minha Criança. Sacie sua fome.


_______________
[/url][/img]]
APARÊNCIA 3
[/url]
APARÊNCIA 5

avatar
Admin
Admin

Mensagens : 186
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://rageacross.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Martin - Narração

Mensagem  Martin Gutierrez Fletcher em Dom Nov 16, 2014 2:11 pm

Andrew chama outras pessoas e duas mulheres surgem. Uma simplesmente lindíssima e Martin observa a chegada das duas, até que Ayla também surge, sem nada dizer e junta-se ao grupo. Então todos eles mordem seus pulsos e deixam o sangue escorrer para o jarro que Ayla trazia. Ver o sangue desperta em Martin novamente aquela ânsia quase descontrolada por aquele sangue e ele sente seus caninos se alongando em sua boca. Ayla completa o sangue no jarro e aquela cena certamente lhe lembraria uma espécie de ritual, por fim, quando o jarro lhe é oferecido, Martin nem sequer hesita. Agarra a jarra com voracidade, bebendo de forma quase sôfrega a largos goles, todo o conteúdo que ali havia. Não se importava com as consequências… tudo que desejava era saciar a fome que lhe consumia como chamas vorazes…

avatar
Martin Gutierrez Fletcher

Mensagens : 47
Data de inscrição : 06/11/2014
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Martin

Mensagem  Admin em Seg Nov 17, 2014 3:39 pm

Enquanto bebia, Martin poderia sentir um verdadeiro paraíso. Aquele sangue era infinitamente melhor do que aquele oferecido pelo cão. Ayla parecia entoar um pequeno cântico, e quando Martin terminou, ela também o fez. A loira aproximou-se pra pegar o jarro, afastando-se logo em seguida, dizendo.

- Eu sou Hilary.

A oriental disse, de maneira bem menos interessada.

- Christine.

E finalmente, o árabe fala.

- Ahmed.

Andrew esboça um pequeno sorriso.

- Já que todos estamos devidamente apresentados... vamos dar algumas respostas ao nosso novo... irmão.

Todos então começam a caminhar em uma direção, exceto Andrew e Ayla, que ficam um pouco, e então vão, chamando Martin para segui-los. Ayla diz.

- Venha, Martin. Vamos sair daqui, e conversar melhor. Entenderá o que você é agora, e será para todo o sempre.


_______
Pts de Sangue: 7
Continue em RUAS - Zona Sul
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 186
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://rageacross.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Angel - Narração

Mensagem  Angel - Hilary Braxton em Ter Fev 03, 2015 2:40 pm

Após responder o novato, Ayla parece modificar o seu comportamento, pois olha mais demoradamente para Angel e se levanta, voltando sua atenção para o percurso que faziam. O silêncio tomava lugar no veículo. O que será que tinha acontecido? Não tinha feito nada demais e nem ofendido ninguém, tinha? Será que aquela outra Brujah – sim, porque sabia, dentro de si, que aquele corpo que agora habitava, era de uma Brujah – era daqueles tipos que pareciam ter sangue de barata?!. Não podia ser, os Brujah falavam o que queriam e faziam o que queriam porque eles eram assim, era sua natureza! Não eram cães que aceitavam coleirinha e eram guiados pelo dono! Não, de jeito nenhum!

De qualquer forma, sabia que não estava numa situação simples, era alguém que estava fingindo ser outra pessoa até que pudesse, de alguma forma, escapar daquela cilada em que estava, por isso, pelo sim, pelo não, era melhor ficar na dela para não correr o risco de ser descoberta tão rápido.

Assim ela fica de bico fechado e apenas observava, procurando, agora, mais do que nunca, tentar descobrir o máximo possível da ex-dona daquele corpo. Se teria que fingir ser alguém que não era, era preciso ter trunfos na manga e de momento, ela não sabia se tinha algum.

avatar
Angel - Hilary Braxton

Mensagens : 8
Data de inscrição : 26/12/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Martin - Narração

Mensagem  Martin Gutierrez Fletcher em Ter Fev 03, 2015 4:41 pm

A lourinha diz que Martin só saberia como era aquilo no dia em que fizesse aquilo com alguém e que não sentia nada da Brujah que havia diablerizado. Parecia que nem tão cedo descobriria a respeito do “vida além da não-vida”. Ele cruza os braços e fica pensativo, observando quando Ayla se levanta e vai espiar a cabine. Enquanto o silêncio pairava no veículo, Martin continuava pensando.

Será que tudo aquilo que acreditava simplesmente não existia? Não era possível… havia visto coisas… feito coisas… que provavam a existência de um outro mundo invisível aos olhos humanos e não gostava da idéia de simplesmente ser uma “carta fora do baralho” do ciclo da vida espiritual, apenas por ter se transformado em um vampiro.

Ele dá um suspiro profundo e por fim dá de ombros. Não valia a pena ficar se martirizando por aquilo agora, afinal, tinha bastante com o que se entreter agora em sua nova “vida”. Precisava aprender cada vez mais e logo que pudesse, tinha uma vingança para iniciar. Mal podia esperar para ver a cara de seu odioso irmão tão logo estivessem frente à frente e Martin pudesse exibir sua superioridade. Também havia sua irmã, tinha que dar um jeito de cuidar dela, de alguma forma, mesmo que a distância, afinal, não sabia se pretendia expô-la a este novo mundo que mal conhecia.

Em silêncio, seguia em seus pensamentos, de braços cruzados sobre o peito, aguardando que chegassem ao seu destino.

avatar
Martin Gutierrez Fletcher

Mensagens : 47
Data de inscrição : 06/11/2014
Idade : 38

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Martin - Angel

Mensagem  Admin em Ter Fev 03, 2015 7:24 pm

A van reduz a velocidade. Andrew buzina duas vezes, e de dentro da van, os cainitas podiam ouvir o arrastar de metal, o típico barulho de um portão de tela se abrindo. Pouco depois a van avança. Martin poderia se lembrar daquele som, e associar ao ferro velho. Seria esse o lar daqueles vampiros?
A van percorre mais alguns metros, e então para. Andrew e Christine saem primeiro, com Ayla abrindo a porta lateral da traseira. Ali, Martin constataria que realmente estavam naquele ferro velho, com seus carros enferrujados empilhados, e o enorme galpão ali perto. O galpão onde há poucas horas, entrou em um caixão.
Angel ficaria intrigada quanto aquele lugar. A paisagem era pesada, rústica e enferrujada, com bastante mato crescendo onde não devia. A manutenção ali não devia ser freqüente. Adrew diz para todos.

- Nessa noite, depois de muito tempo, teremos um Festim de Sangue. Você, Martin, provará o seu primeiro... Prepare-se.

O homem terminou olhando pra Martin. Angel não conseguia olhar para aquele Lasombra sem sentir ódio. Ele era o culpado por ela ter sido diablerizada. Suas sombras a prenderam para que a loira a devorasse. Ele, a asiática e Ayla seguem para um prédio que ficava atrás do galpão, algo que Martin não tinha chegado a ver. Um prédio bem deteriorado por fora, com dois andares. O trio entrou primeiro.

avatar
Admin
Admin

Mensagens : 186
Data de inscrição : 12/01/2013

Ver perfil do usuário http://rageacross.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ferro Velho - Zona Sul

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum